CAUSO DE LOJA


Contando ninguém vai acreditar, mas como comigo é tudo muito inusitado, tratem de acreditar. Mesmo porque eu não minto aqui. (muito)

Sábado que passou, pós-natal, por volta de 18h30 na loja... Minha colega de trabalho e eu um pouco entediados. Eis que então entra uma mulher - por volta de 40 e poucos anos, tatuada nos pulsos, braços, acompanhada do marido e o filho. Parecia um pouco perdida quando entrou na loja, mas logo foi se encontrando e estava procurando uma bolsa pra si. O desejo era de uma bolsa grande. E temos bastante opções... grandes e bastante grandes também. Na verdade ela tinha chegado até a loja por causa de uma outra vitrine que temos do outro lado do shopping. Insisti para buscar a bolsa pra ela, só que a dita não quis.
Pois bem, ela olhou algumas, descartou outras, quando entrou uma outra cliente e a minha colega foi atender. Coincidentemente escolhendo bolsas grandes também. Como essa uma era muito mais decidida, escolheu uma com detalhes pretos e foi embora.

A mulher que eu estava atendendo, segurando uma bolsa, olhou pra mim e disse: "Ela comprou a preta?"
Eu - "comprou".

Ficamos em silêncio... eu deixei a mulher pensando na vida e fui antender quem chegava.

Termino de atender o pessoal, vejo a mulher abraçada à maior bolsa da loja, com uma carinha bem abatida e me diz:
Mulher - Vocês já vão fechar né?
Eu - Não! Fechamos oito horas.
Mulher - A coleção, vocês já fecharam a coleção...
Eu - Ah!!! Sim, já faz tempo! Agora só em março.
Mulher - Sabe, eu fiquei muito sentida mesmo (abraçando a bolsa e fechando os olhos para tomar fôlego, segurando para não chorar)... Eu vou esperar a próxima coleção. Porque ela levou a bolsa que eu queria.... (nova pausa para fôlego)
Eu - (me segurando para não rir) Tudo bem... eu entendo.

Ah não gente!! É só comigo mesmo que esse tipo de coisa acontece!! Vê se eu sou obrigado a dar conta de mulher formada fazendo manha pra mim!! Ai ai ai... isso é 2008!! Imagina o ano que vem... rs... Falando em 2009, em breve post retrospectivo... Bololog 2008 revisitado!! não percam!

outro.

Voltei!


Olha só... depois de um tempo bem inutilizado por aqui, completei o outro post e agora volto à normalidade, me sentindo a verdadeira Carrie - de Sex and the City, que fique bem claro!
Tudo porque numa manobra consumista convenci minha mãe a ceder o nomezito dela para eu comprar um notebook pra mim! Sim querido leitor, agora que sou um blogueiro municipalmente conhecido (Mãe Menininha ouviu nossas preces e a entrevista foi publicada na revista Enfoque! Com direito a foto e tudo!), preciso de uma ferramenta de trabalho melhor e mais prática... hohoho... (Só não direi que meu orçamento já está comprometido até metade do ano seguinte, e não é 2009! hehehe.... mas bobagem).

Isso de falar que dezembro é sempre um mês bom para vendas não deu muito certo para a gente no ClaustroShopping... trabalhamos muito e sem muito retorno... tudo porque as pessoas ficam vendo na TV para não comprar nada e caem nessa bobagem e ficam em casa com dinheiro guardado. Tsc tsc tsc!! Gastem essa grana! Usem seus cartões! Obrigado.

Sim, passei a noite da véspera de natal em casa, tendo como ceia uma pizza e uma garrafa de vinho e a companhia do meu irmão. Mas por favor, não façam drama disso! Meu deus, é só mais uma noitinha... que tanto falam que tem que ir pra casa de parentes e etc... eu queria sossego depois de ficar vendo tanta gente na minha frente. E foi muito bom, obrigado por perguntar. Meu irmão foi deitar-se 22:30h e eu fiquei no computador até que era quase 1am meu amigo Rafa me ligou oferecendo-se para sair comigo... Fomos e paramos onde? Naquele lugar! Dançamos bastante e nem ouvimos que a chuva caía copiosamente lá fora. Resultado: Uma hora esperando na porta da boate para podermos ir embora na mota dele. Corremos para fora, capacetes escorrendo água e meu amigo com dificuldades em vestir a capa de chuva.

Cheguei aqui em casa com as pernas ensopadas, a cabeça e os tênis... Mas foi bom! hehehhe...
Só dormi no dia 25 e só.... comi e dormi durante o dia em intervalos regulares!
Ah, e não trabalhei no dia 26, para constar...

Outro.

Cozinha Maravilhosa


Eu não sei se já disse por aqui, mas não tenho o hábito de acordar um pouco cedo para tomar café da manhã. Apesar de saber que é a refeição mais importante do dia, como a Xuxa ensinava (e agora a Ana Maria).

O que me falta é força de vontade pra largar a preguiça da cama - lugar este que fica tão acolhedor nas primeiras 12 horas do dia!

Mas as coisas mudaram por aqui! Num esforço digno de promessa de final de ano, minha querida mamãe fez a seguinte proposta: deixará a mesa para o café pronta, com os comes e bebes, e nossa tarefa será acordar e comer.

Fácil né! Nem eu fui capaz de recusar... Porque eu sou o tipo de pessoa que gosta de comer, mas morro de preguiça de ficar preparando as coisas, especialmente às 8 da manhã! hehehe...

Bom, o negócio é que vem dando certo, apesar de eu ter faltado alguns dias por causa do sono excessivo (culpa das madrugadas na net). Mas eu acho o máximo tomar suco de laranja logo cedo, torradinhas e granola. Nham nham!

Oi? Se eu fico acordado depois que como? Não!!! Volto para a cama e durmo até 10h! ou 11h! Ué... o trato é só de comer, agora ficar acordado também é um pouco demais!! hehehehe...

me contaram


Então amigos leitores, me disseram por aí que a tão aguardada matéria / entrevista / reportagem saiu impressa na revista! Uhul! Ora veja como estamos!
Logo que soube da notícia corri à Administração do ClaustroShopping para folhear uma edição. Qual minha surpresa quando não vejo matéria nenhuma!!

Pergunta 1 - Minha amiga mentiu para mim?
Pergunta 2 - Tiraram a matéria de propósito apenas para eu não ler?
Pergunta 3 - Fizeram uma edição especial contendo a entrevista e esta não foi entregue no shopping?

Bom, estou fazendo minhas averiguações.

Fontes fidedignas confirmaram a existência da revista e inclusive vieram me questionar sobre o que seria "Bololog".

Não descansarei! Irei até o fundo deste mistério!

certas linhas...


Então queridos bololeitores, depois dessa semana em que estive seqüestrado, retornei no sentido de atualizar as coisas por aqui!

Vamos fazer uma pequena divisão cronológica:

DOMINGO 07/12
Saí da loja e fui ao que seria a despedida surpresa de meu amigo para os EUA. Cheguei até a casa dele e não vi movimentação nenhuma. Os celulares de meus amigos que sabiam da história toda não estavam funcionando. De repente o céu fechou numa velocidade incrível e o mundo desabou em água. Eu como já estava por lá, resolvi chegar até o ponto de ônibus mais próximo debaixo de chuva mesmo. Molhei e não foi pouco!

SEGUNDA 08/12
Apresentação dos meus amigos do Ballet Carla Pacheco no Municipal. Havia me esquecido desse evento, mas quando passei pelo teatro quase 22h30 e vi um certo volume de pessoas, me lembrei! hehe... entrei, vi começar, vi o espetáculo todo e saí de lá mais de meia noite! Fui pra casa a pé mesmo, com um tempo não tão convidativo.

TERÇA 09/12
Outra apresentação no teatro. Dessa vez assisti da coxia, que é bem mais divertido porque podemos ficar imitando, fazendo comentários e ainda ver o espetáculo! Novamente saímos de lá quase 1am e fomos fazer o que? comer no McDonald´s. Detalhe: minha garganta já estava com sinais de irritação, dolorida, mal conseguia engolir as coisas. Voltando: aí eu fui embora? Não! Ficamos lá comendo na calçadinha do mcdonald´s´porque só funcionava o drive (sim, conseguimos fazer nosso pedido a pé no drive-thru!!!) Só que não parou nisso de comer e pronto. Tsc tsc tsc! Carla Pacheco e companhia nos divertiram com várias histórias das viagens do ballet - com direito a muitas frases memoráveis, que não colocarei porque ninguém vai entender! Moral da história - cheguei em casa quase 3am!

QUARTA 10/12
Os meus amigos Eddie, Rafa, Marco e Carol fizeram um amigo secreto (não, não me convidaram) e eu fui ver como foi a entrega dos presentes. Novamente choveu e minha garganta e meu corpo dando sinais de que eu deveria ficar quieto em casa!

QUINTA 11/12
Muita dificuldade em engolir, dificuldado para respirar enquanto dormia, dores no corpo, mau estar... ou seja, pedindo pelo amor de deus para ficar em casa descansando! Mas sou teimoso e não fiz nada a não ser tomar o remédio.

SEXTA 12/12
Aniversário da minha irmã e eu com cara bege, usando camiseta e boné coordenando com essa condição... uma sensação febril e sem disposição pra nada. Comi e fiquei no quarto à toa. Não, não fui ao médico.

SÁBADO 13/12
Estou na loja, com a garganta melhor, quando sinto um certo comichão nos braços, que logo se estendeu para o peito, costas, cabeça, pescoço... e o que era um comichão virou uma coceira estranhíssima, que me descontrolou o resto do dia! Fazendo eu parecer um pimentão... E eu não sei se era o calor, minha transpiração... só sei que eu não dava conta!

DOMINGO 14/12
Folga!!!
Depois de ficar isaurando uma semana direto na loja tive um merecido descanso. E foi uma coisa ótima porque não tive coceira, passei o dia todo ouvindo a chuva e ainda curtindo os dvds que comprei! ho ho ho

SEGUNDA 15/12
Contei no blog tudo que aconteceu semana passada... hauhauaha.... nada de muito interessante. Mas eu não disse em nenhum momento que seria... af... enfim!
Ah, sim estou melhor, obrigado por perguntar!

vão indo...


para vocês que estão se perguntando por onde ando, um recado: fiquem tranqüilos. estou apenas num pequeno período de recessão (apesar de não ser uma entidade econômica! hehee).
retornarei em breve, depois do natal, possivelmente.

consegui!


Aproveitando meu dia de folga bem oportuno, resolvi ir até o outro shopping no sentido de comprar umas coisinhas! E achei alguns DVDs da minha lista. Que coloco agora para não correr o risco de ganhar o mesmo (de quem eu não sei!)

* Calígula - edição especial de 20 anos (Nem acreditei! Praticamente pulou na minha frente enquanto eu procurava outros)
* Turma da Mônica e a Sereia do Rio (fiquei triste quando cheguei em casa e descobri que não tem a parte principal que eu queria: as músicas com a Tetê Spíndola... será que é muito feio eu ir lá, contar uma história e trocar?)
* Hair (adoro!)
* Multishow ao vivo - Ana Carolina Dois Quartos
* You know I´m no Good - Amy Winehouse - Live in London (Biel mostrando o DVD para o Eddie, que diz: "me falaram que o documentário é melhor que o show." BIEL: "Arrasei no DVD então!". EDDIE: Registra isso Biel!)

Pena que não vi nenhum dos Trapalhões que pretendo comprar... =(

Quase comprei o Banco Imobiliário também, mas preferi me conter! Afinal tenho que pagar minha continha de telefone.... hauhuahaa.....

parece, mas não é


Não sei quantas pessoas passaram por tal situação, mas eu vivi neste ano e agora vou falar no sentido de fazer terapia disso...

O tema de hoje é: Pessoas com quem convivemos, mas que não existem.

Tomarei-me como exemplo (sim, eu existo e as pessoas convivem comigo, vou só usar a situação como ilustração).

Em meados de novembro do ano passado comecei a conversar com um certo alguém via msn. No começo de forma bastante prepotente, mas que foi tomando proporsões beirando a realidade. Eu me esforçava para não levar em conta tudo o que ele dizia porque parecia um dos meus diálogos do Breviações, porém não deu muito certo. Nossas conversas duravam horas e era como se não faltasse assunto... piadinhas convenientes, ironias, pontos de vista iguais, senso de humor e estados de humor parecidos, sem contar a parte de gostar de coisas que aparentemente só eu gostava. Resumindo - era um cara desenhado pra mim.
Além de tudo era bonito (É. Sei lá como coloco o tempo verbal aqui), inteligente, morador de São Paulo. Irritante de certa forma por conter tantas características que me atraem.
Apesar de certas provas concretas, eu não estava completamente seguro da veracidade dessa pessoa, enquanto ser vivente mesmo. Um lance meio louco. "Até onde você é real e até onde eu criei o que você é".

Nós nos conhecemos e passamos duas noites realmente maravilhosas - outro motivo para a minha desconfiança. Era essa sensação de estar com alguém não sabendo quem aquela pessoa era. Uma espécie de dejà-vu fictício.

Ou então outro episódio do seriado da minha vida. Dessa vez real. E assim ele foi também uma pessoa real no personagem que desempenhou: o cara certo, num certo momento, com falas pré-determinadas e performance considerável.

Assim que voltei de São Paulo eu não queria admitir, mas sabia que nunca mais o veria pelo simples motivo de aquela pessoa não ter existido. Quer dizer, existiu, mas apenas enquanto durou sua apresentação. Últimas falas, último abraço, cortinas fechadas, fim.

Houve uma tentativa de deixar o personagem vivo por algum tempo, mas não se consegue ser personagem e ter de viver outra vida.

Aquele cara ficou na estação República do metrô, dissolvendo-se entre quem ia e vinha. Sendo absorvido pelos passos dos apressados e desinteressados. Eu tentei deixar minha parte lá também, mas ela foi teimosa e voltou comigo e me faz ter esses rompantes em escrever sobre pessoas que não existem, diálogos imaginados e sentimentos esquecidos.

Postagem de número 301


Não pessoas, colegas... não deixei o blog solto desgarrado por aí. É que acho 300 um número cabalístico, de modo que precisou de toda uma preparação para esta postagem. (aham...)

O fato é que estou com idéia para um post em específico, mas preciso de tempo para escrevê-lo do jeito que quero. E não será hoje, minutos antes de dormir. Quem sabe durante minha folga. Estou pensando numa poesia ou breviaçãozinha, não sei ainda. Mas preciso falar um pouco em casa coisa. Não estou rendendo porque minha melancolia (pasmem) está em baixa. Acho que devido ao fato de não ter vida útil - entenda-se: sem tempo para fugir da rotina de conferir caixa, tirar etiqueta, arrumar estoque... coisas banais para uma rotina em uma loja né? Não posso ficar parando para ter uma crisezinha... um mau-humorzinho... itens básicos para um bom funcionamento da glândula criadora! hehehe.... Mas logo minhas férias chegam (Mãe Menininha permita!) e então deixarei minha cabecinha rodar por aí em busca de significações. (Se encontrar um namorado alto, moreno, bonito, inteligente e sensual pelo caminho, não acharei ruim, juro!)

PEDIDOS DE ÚLTIMA HORA:
DVD O Casamento dos Trapalhões (esse é pra minha mãe que adora!)
DVD Turma da Mônica e a Sereia do Rio
DVD Os Trapalhões - Uma Aventura na Selva
DVD Uma Escola Atrapalhada
DVD Terça Insana (os dois!!)
DVD Box He-man
DVD Box She-ra
Jogo Banco Imobiliário
Chocolates
Bolachas
Perfume
Cuecas (mini-boxers brancas, tamanho P, obrigado!)
Notebook (não desisto)
Algum livro novo

Sim, tenho vontades nostálgicas e oitentistas!

Certas linhas...


Hoje eu saí cedo de casa disposto a começar a colocar em prática o espírito de natal - comprar! Fui a uma loja de brinquedos no centro da cidade e comprei o tão querido Jogo da Vida!! (eu tinha ido domingo ao outro shopping e não tinha nas Americanas e o Magazine Luiza estava fechado. Foi até engraçado eu perguntando para o atendende das Americanas se tinha o Jogo da Vida e ele achando que era algum filme para eu alugar! rs). Agora faltam apenas Banco Imobiliário e Detetive (que lembro) para retomar minha coleção.
Minha avó disse que quando começamos a comprar coisas antigas, ficar com saudade e comprar, é porque estamos ficando velhos! hehehe... pois é... e eu estou com quase 30 anos já!
Eu também teria comprado o DVD da Ana Carolina, mas até no Shopping do Itaú (para os não-francanos: camelô) está precisando fazer pedido desse tipo de produto!

Mamãe fará uma apresentação amanhã no teatro municipal. Uma participação no espetáculo Valsas Francanas, juntamente com o lançamento do cd do grupo que eu não sei o nome. Será bastante agradável e deixo aqui o convite para quem quiser ir. Começará 20:30h.

Amanhã também é uma data especial, mesmo que simbolicamente e apenas para mim: completo um ano de trabalho na Yellow Port. Sim queridos... único funcionário que ficou para contar as histórias daquele lugar! Bem que podiam ter pagado meu 13º como forma de comemorar! Não? hehehe.... Obrigado, mais vinte e quatro horas!

Conversa de cozinha


Minha mãe e eu esses dias conversando...

EU: Hum.. calça nova hein mãe!
MÃE: Não tinha visto ainda não?
EU: Eu não! Usando skinny agora é...
MÃE: Você viu? Calça cano de espingarda!
OS DOIS: KkKkKkKkKkKkKk!!!!!!!!!!

Por essas e outras que eu adoro conversas com a minha mãe!

Breviações


Diálogo de um encontro recente...

ELE: Você demorou mais do que disse que ia demorar.
EU: Demorei dez minutos e meio?
ELE: Um pouco mais que isso.
EU: Não deve ter passado de onze minutos.
ELE: Quer tomar alguma coisa?
EU: E comer.
...
ELE: Você é bonito.
EU: Obrigado. Você também é bonito.
ELE: Não precisa falar só porque eu disse.
EU: Não tenho o hábito de dizer elogios à toa.
ELE: Mas só falou porque eu falei. Podia ter falado antes.
EU: Você também.
(se olham)
ELE: Você tem o nariz bem feitinho, o queixo bem feitinho...
EU: Tá me deixando sem graça.
ELE: Mas é mais magro do que eu achei.
EU: Você tinha visto minha foto, sabia que eu era magro.
ELE: É... mas não achava que era tanto.
EU: Tá fazendo minha magreza parecer um problema.
ELE: Tá tudo bem... Tanta gente querendo ficar magro assim né...
(se olham)
EU: Que perfume você usa?
ELE: Dolce & Gabanna. Gostou?
EU: Bastante.
ELE: Quando você for lá em casa eu jogo um pouco em você.
EU: Pode deixar que eu vou sim.
ELE: Tá duvidando?
EU: Não. Quero mesmo esse cheiro.
ELE: Tá escurecendo e eu acho que já vou.
EU: Tudo bem. Eu vou também.
ELE: Me liga qualquer hora pra gente marcar alguma coisa.
EU: Sim eu ligo.

Trecho


só um curtinho...

"Quero beijos sem tréguas
Quero sete mil léguas sem descansar.
Quero ver se você tem atitude,
se vai me encarar" - Cabide, Ana Carolina (Multishow ao vivo 2 Quartos)

Relembrando


Hoje fui convidado para participar de um sarau em dezembro, apresentar um texto meu. Não pensei em nada novo. Acho que levarei este que posto aqui novamente. Desta vez com imagem.

Breviações Biográficas
O elevador parou no 19º. andar. A porta se abriu, eles saíram. O quarto ficava no final de um corredor pouco iluminado, forrado com um carpete azul já muito pisado, talvez por pés que, como os deles, caminhavam lado a lado pela primeira vez.

Esperou para que destrancasse a porta. Entraram. Ele afastou a cortina, abriu a janela, tirou os sapatos, acendeu um cigarro e sentou-se na cama, olhando. O outro olhou a cidade pela janela, sentia-se realmente alto, mas aquela altura que só é alcançada quando alguma coisa realmente boa ou longamente esperada acontece. Serviu-se de coca-cola e também acendeu um cigarro. Seu olhar revezando entre seus próprios pés e os olhos dele. Sorriu. Não sabia, ou melhor, não conseguia dizer quando foi de verdade que começou a acreditar que aquilo tudo estava mesmo acontecendo. O abraço de uma hora atrás, as mãos se tocando timidamente enquanto o táxi seguia, a revelação no elevador: "vocês são namorados?" "sim, nós somos". Mas aquele quarto era sim, real. Assim como eram todos esses fatos e era também a figura daquele homem por quem decidira viajar mais de 400km. Deitaram-se.

Olhava o teto e começou a imaginar quantos outros buscaram aquela cama, quantos deitaram-se nela e acordaram sozinhos e arrependidos, quantos nem chegaram a desarrumar os lençóis esperando pela companhia que não veio. Interrompeu esses pensamentos melancólicos que não combinavam nada com aquilo que estava sentindo. Não queria contaminar e comprometer o clima com tal niilismo antes mesmo de terem sequer tirado a roupa. E então, como se aquela pudesse ser a última vez/chance, virou para o lado e beijou-lhe a boca. "Eu disse que roubaria um beijo" "eu deixei". Ele também virou. Ficaram se encarando de forma tão terna e intensa, que os beijos e abraços seguintes pareciam querer recuperar e recompensar aquele tempo que ficaram separados. Ele 26, o outro 22. E como os braços não bastavam, enlaçaram as pernas. Como os lábios eram pouco, enroscaram as línguas. E juntos nesse corpo que era um, ora ele apertava ora o outro cedia. Que os moralistas não vissem tamanha demonstração de... intimidade!

E como era bom poder sentir os desenhos do corpo dele se revelando à medida que os dedos percorriam nuca, torso, pernas. E os pêlos de todo seu corpo eriçados quando a barba dele resolveu marcar-lhe as costas.

Estava prestes a liberar aquele grito aprisionado que comprimia-lhe as cordas vocais e deixava seu coração arritmado. A pressão das pernas dele entre suas pernas, o suor dele passando pela sua pele, o rubor marcando-lhe a face e aquele estreito vão entre ele e o outro.

E veio impulsionando cada músculo, cada parte de seu corpo extasiado. Ele tapou sua boca abafando o som e beijou o outro até onde permitiu-se alcançar.

Silêncio.

Na cidade que os cercava, algumas luzes ainda acesas. Dois cigarros. A falta de palavras não incomodava, pelo contrário, era melhor pois queria fixar em sua memória, assim como em seu corpo, aquele momento, aquele cheiro, cada detalhe.

Acomodou-se nos braços dele. A noite prosseguia mais calma agora. Era aquela proteção oferecida pelos braços e pelo calor que sentia quando ele respirava que o fizeram adormecer. Só não sabia se teria tempo para acordar.

Palavras Avulsas


(Do tempo em que eu fazia poesia com mais freqüência que agora)

ALFORRIA

Corra em minhas veias
deixando em mim
um pouco do seu torpor

Atravesse minha pele
derramando pouco a pouco
as horas que você me tirou

Iluda meus ouvidos
distorcendo as declarações
do amor que você não teve

Afrouxe o meu peito
depois arremesse-me ao chão
lentamente se despede e me esquece

(É esse) teu sorriso irônico
(que) confunde minhas pupilas
(São) teus braços malcriados
(que) velam por meu padecer.

Gabriel Chacon - 22/10/2007

Para mim


Em virtude da aproximação do Natal, resolvi deixar aqui minha singela lista de desejos. Ficarei feliz em receber um ou mais ou todos os itens! hehehe.... Papai Noel bem que pode ser generoso esse ano.

* Livros da Aghata Christie (de preferência os que têm Hercule Poirot e Miss Marple)
* DVD Ana Carolina ao vivo Multishow
* Jogo da Vida
* Jogo Detetive
* Banco Imobiliário
* Calça jeans nova, camiseta nova
* Suspensórios
* Perfume
* Chocolate
* Notebook
* Viagem de férias

por ora... se lembrar de outra coisa eu venho escrever! rs

Dia do Terror


Sim, eu sei que dia 31 de outubro já passou...
Sim, também sei que não estou no Hopi Hari ou Playcenter onde tem os tais "Dia do Terror" e afins. Mas minha gente, este último sábado foi de arrepiar!

O cenário - Shopping do Calçado
O evento - Chegada do Papai Noel.

Tá... agora pense comigo: estamos no meio de novembro, pelo amor de deus! Que diabos esse senhor veio fazer por aqui??

Agora imagine ainda - pipoca e algodão doce na faixa, pula-pula inflável, cama elástica... o que isso pode trazer? Muita gente enchendo os corredores! Acrescento: muita gente com muitas crianças enchendo os corredores e emporcalhando o shopping!

Ahh... estava um nojo só! Mancha de algodão doce derretido no chão com migalhas de pipoca em volta, fila quilométrica para beber água (considerando, claro, a existência de apenas um bebedouro decente)... sem falar que o cheiro de gente estava terrível! E ainda, de repente, começou a tocar músicas de natal! Ahhhhhhhh!!!!!!! Socuerro pancho! Para mim que já não gosta de natal foi torturante. E o pessoal da administração fez questão de aumentaro volume! Acho que para tentar abafar os gritos dos que se amontoavam na tentativa de sentar no colo do bom velhinho, que por sinal estava com o saco cheio (com trocadilho mesmo!!)

Só fui me ver livre das crianças, pipocas e etc quando o shopping estava quase fechando... Ah, nesse meio tempo também vendi.

Guru Orkut


Sorte de hoje: Se o destino diz que você é um perdedor, pregue uma boa peça nele

Essa é uma sorte interessante... Problema vai ser se o senhor Destino for um ser vingativo! kkk

não, não é bem isso...


Estou bastante introspectivo por esses dias... observador, mais calado. Ao mesmo tempo em que estou facilmente irritado e irritável, com um certo acúmulo de sensações, vontades e diálogos interrompidos. Não, não é uma crise. Talvez um pressentimento - há algo vindo por aí!

Às vezes não estou pensando em nada e de repente eu desligo, vou entrando em mim e milhões de situações, perguntas, vontades, coisinhas nada-a-ver passam pela minha cabeça sem eu nem conseguir conciliar. Tamanha intensidade que adquirem sons, formas. Será que estou ficando louco de vez? Melhor não contar com tantos detalhes então! hehehe

Só que sinto a vida tomando novos rumos. Não sei se a vida de todo mundo, mas pelo menos a minha. Parece coisa de adolescente que não se encaixa no contexto social em que está inserido. Uma vontade de sair sem uma direção.

Estou cansado e sem saco para convencer as pessoas - clientes perdidos andando pelo shopping, que entram na loja sabe-se lá porque e, enquanto estão lá dentro ouvindo minha história de sempre, se perguntam como foram parar lá (se eles não se perguntam, eu me encarrego disso!). Ou convencer os outros (e sublinho aqui o artigo definido masculino) de que sou uma ótima companhia e que, decididamente, não encontrará fácil por aí um outro que seja divertido, inteligente, gostos afins não duvidáveis, etc, etc...

É essa necessidade em ser o tempo todo simpático que me cansa! O que pode ser pura conseqüência dos dias atuais e mais ainda culpa da ocupação profissional que tenho. Ou seja, vivo um paradoxo. Eu não posso fazer cara feia para cliente, não posso dar um resposta irônica proporcional à minha indignação (tá, em algumas vezes eu não me controlo e acaba saindo uma coisinha de leve), não posso evitar ter contatos com pessoas das quais não sinto a menor afinidade imediata (isso para as reuniões de amigos de minha mãe e padrasto, nas quais sou forçado a me socializar), nem entrar em crise direito eu posso porque emprego hoje em dia está difícil, portanto nada de ficar em casa com questionamentos no horário comercial (deixo isso para as horas em que deveria estar dormindo). E tudo isso, querido leitor, munido de um sorriso inabalável e paciência misericordiosa...

Meu reino por uma discussãozinha gratuita, para eu aliviar só um pouco essa pressão contida.

Ilustrações musicais


Como fazia um tempinho que não colocava nada musical aqui, vou continuar com esse tipo pronto de postagem. Embalado pelo post anterior sobre a Amy, o set de hoje vai pra ela:

CD FRANK:
"... never miss a night,
Cuz your dream in life,
Is to be a footballers wife..." - Fuck me Pumps

"...I always have to comfort you when I'm there
But that's what I need you to do - Stroke my hair
Cause I've forgotten all of young love's joy
Feel like a lady, and you my lady boy..." - Stronger Than Me

CD BLACK TO BLACK (inclusive bonus)
"And it's not just my pride
It's just 'til these tears have dried..." - Rehab

"...I told you I was trouble
You know that I´m no good..." - You Know I´m no Good

"...He left no time to regret
Kept his dick wet
with his same old safe bet..." - Back to Black

"...It's my responsibility,
And you don't owe nothing to me,
But to walk away I have no capacity..." - Tears Dry on Their Own

"...He can only hold her for so long
The lights are on but noone's home
She's so vacant
Her soul is taken
He thinks: "what she's running from..." - He Can Only Hold Her

"... oh, it´s got me addicted
does more than any dick did..." - Addicted

"... since I´ve come on home, well,
my body´s been a mess
and I miss your ginger hair
and the way you like to dress..." - Valerie

presente


Com a folga de hoje chegou também um belo presente de um amigo do Sul - As Brumas de Avalon, volumes 2, 3 e 4!
Viva, viva, viva!
Adorei, e muito, porque exemplares novos custam muito caro e não encontrava nem por magia o volume 2! De modo que estou feliz. E com leitura garantida pelas próximas 3 ou 4 semanas, porque hoje terminei O Jogo do Anjo e confesso que não mexeu tanto quanto A Sombra. Sim, é um livro muito bom, mas eu acho que não devo ter entendido completamente. Precisarei relê-lo.
Aproveitando a deixa de hoje, com folga, chuva e presente, fiz um brigadeiro à tarde com o qual me delicio enquanto escrevo essas linhas!
Tudo corria bem e eu achava que o dia terminaria sem mais surpresas quando...
TRRIMMM TRRIIMM (celular tocando. Número - "cel loja" chamando) Dúvida on: atendo, não atendo? atendo, não atendo?
- Oi?
- Gábi (sim, me chamam assim... e quem mais poderia atender meu telefone?)
- É... tudo?
- Tudo jóia e você? Desculpa te ligar... (sempre essa mesma conversa mole)
Motivo da conversa - tenho que dobrar amanhã. Uau, que legal! (juro que a intenção não era rimar, pra vocês notarem o grau de ironia empregado! ou, como o momento permite, do empregado.) Então tá né! Que nossa senhora protetora dos vendedores me dê forças!
Isso quer dizer que tenho que ir dormir agora e o post acabou.
Obrigado!

SERÁ?



Dia desses eu abri meu MSN e apareceu aquela janelinha chata que eu odeio, do Live Hoje (mas esqueço de colocar pra não aparecer). Qual não foi minha surpresa quando vejo uma pequena nota de uma reportagem sobre ela, maravilhosa e incomparável (hehehehe) - Amy Winehouse!
E sobre o que era a reportagem? Um possível show em março aqui no Brasil!!
É um sinal! Pois pode ser que minhas férias sejam em março, olha só!
Tratei de comunicar meu amigo Eddie e já estamos fazendo planos para irmos. Alguém mais se anima? Quem sabe organizamos uma van! hehehee

Adoooro!!

Guru Orkut


Sorte de hoje: Hoje você vai ver um biscoito da sorte que nunca viu antes

De repente um biscoito da sorte boicotado... se bem que eu nunca vi biscoitos da sorte de jeito nenhum!

Indicação Literária


Como eu disse há uns dois posts atrás, a resenha (copiada mesmo!) de O Jogo do Anjo.

"David Martín nasceu em Barcelona, no primeiro ano do século XX e logo começou a tomar golpes da vida. Seu pai, segurança do jornal La Voz de la Industria, morreu assassinado na porta da redação quando David era criança. O jeito para a escrita logo se manifestou, mas as oportunidades nunca estiveram à altura do potencial do rapaz. E seu grande amor, Cristina, foi parar nos braços de seu amigo e protetor, Pedro Vidal, herdeiro do jornal e o homem a quem era destinado o tiro que matou o velho Martín.
Aos 28 anos, cínico, habituado a vender barato seu talento, vivendo sozinho num lúgubre casarão em ruínas, David se descobre doente. Tem poucos meses pela frente. É quando surge em sua vida Andreas Corelli, um estrangeiro que se diz editor de livros. Sua origem é um mistério, mas sua fala é mansa e sedutora. Ele promete a David muito dinheiro e sua proximidade parece, de forma inexplicável, devolver a saúde ao escritor.
Em troca, Corelli não pede pouco: sua encomenda é um livro com potencial de influenciar milhões de vidas. O dilema de David, ao questionar os motivos do soturno editor, é saber se o custo de seu trabalho não será muito maior do que ele imagina.
O Jogo do Anjo é uma história de suspense, amor e fé que explora novos ângulos da mesma Barcelona de A Sombra do Vento. E também alguns locais já familiares, como a livraria Sempere e Filhos e o Cemitério dos Livros Esquecidos.

Garoto propaganda


Hoje eu estava quieto limpando a loja, pois entrei de manhã, quando fui recrutado para colaborar numa coisa para o Shopping do Calçado. E o que era?

Aparecer na propaganda da EPTV para o Shopping. Me juntar a outros funcionários do shopping pra mostrar movimento. Aham... Só no truque!

Tudo consistiu em andar por meio corredor, segurando uma sacola da loja, fingindo espontaneidade e sorrisos! Bah!

Eu teria me divertido se não estivesse sozinho tomando conta da loja, com o risco de meu patrão comer minha cabeça se chegasse e encontrasse a loja vazia...

Depois de muito entra e sai, anda e desanda, vai e volta... disse que não poderia continuar lá (nem recebendo eu táva!). Minutos depois, chega o papel da emissora, no qual eu autorizaria a utilização de minha imagem - sem cobrar.

É... 15 minutos (segundos?) gratuitos de fama! hehehe

Guru Orkut


Sorte de hoje: Você nunca mais vai precisar se preocupar em ter uma renda estável

Vou viver miseravelmente pra sempre? Vou viver de vento? De favor?

Nova aquisição


Hoje chegou meu livro novo! Ou melhor, o que chegou foi um aviso de tentativa de entrega, mas como não tinham pessoas em casa, ele foi levado para o estoque. Eu sabia que algo assim ia acontecer, vim pra casa pensando: "só porque minha mãe passará a tarde fora hoje, meu livro vai chegar". Dito e feito, quer dizer, pensado e feito! Não me dei por cansado (apesar de ter andado quilômetros desde o shopping do calçado até minha casa e depois até a Av. Champagnat e de volta a minha casa novamente. Pra você que não sabe como é Franca, procure no Google Maps essas localizações que vai me entender. Caso esteja com pressa pra terminar a leitura, apenas saber que foi uma caminhada bastante cansativa é o suficiente!) e fui ao local onde estava o livro. Busquei, voltei, abri (no caminho apertando o plástico bolha que o cobria) e fiz como sempre faço ao comprar qualquer livro: sinto o cheiro das páginas novas! Nossa... poucos cheiros mexem tanto comigo como o de um livro novo, aguardando para ser manuseado... as folhas virando-se sozinhas... tem poesia nisso!

Comecei a ler e não resisti em transcrever o primeiro parágrafo aqui:

"Um escritor nunca esquece a primeira vez em que aceita algumas moedas ou um elogio em troca de uma história. Nunca esquece a primeira vez em que sente o doce veneno da vaidade no sangue e começa a acreditar que, se conseguir disfarçar sua falta de talento, o sonho da literatura será capaz de garantir um teto sobre sua cabeça, um prato quente no final do dia e aquilo que mais deseja: seu nome impresso num miserável pedaço de papel que certamente vai viver mais do que ele. Um escritor está condenado a recordar esse momento porque, a partir daí, ele está perdido e sua alma já tem um preço".

Com os devidos créditos a Carlos Ruiz Záfon, magnífico autor de A Sombra do Vento (já citado aqui) e desta minha nova aquisição - O Jogo do Anjo (que colocarei a sinopse também).

Só por esse primeiro parágrafo eu já sei que gostarei do livro!

EU INDICO


Minha amiga leitora comentarista blogueira Lalinha me orientou no sentido de indicar a entrevista, digo, MEME para alguns blogs também. E os indicados, olha que coisa, foram Aleluias e Agonias e Mr. Marmelada!

Espero que gostem dessa singela indicação!

BOLOLOG "EN" FOCO!


Bom, para todos aqueles que ficaram esperando, ansiosos, pela publicação da entrevista (Eu, Lalinha e Mr. Marmelada), colocarei neste post o que seria e não foi! Porque eu sou o tipo de pessoa que gosta de deixar tudo bem esclarecido por aqui.

- Coloque seu nome completo, idade e profissão.
Gabriel Chacon, 22 anos, funcionário de uma loja no shopping do calçado.

- Qual o nome e o endereço do seu blog?
BOLOLOG. www.bolologg2.blogspot.com

- Além de você existe alguma pessoa que colabore com o blog? Colocar nome, idade e profissão.
Não, não existe. Tá certo que alguns comentários são verdadeiros posts!

- Faz quanto tempo que você criou este blog?
Este com este endereço e formato não... quase um ano. Porém mantenho um blog desde 2002.

- Como surgiu esta idéia?
Veio da falta do que fazer e de muita vontade de fazer alguma coisa quando se é adolescente! hehehe... criei com alguns amigos quando estava no segundo colegial, para ser uma brincadeira, deixar algo divertido ou o que a gente quisesse. E tomei gosto pela coisa e estou até hoje!

- Qual é o perfil do seu blog? É mais informativo, humorado, literário...me defina ele.
Entonces... o Bololog é bem eclético! hehehe... tem um pouco de muita coisa aqui.

- Você tem idéia de quais pessoas frequentam o espaço que você criou? Exemplo: Faixa etária, homem ou mulher...
Freqüentadores assíduos são dois homens e uma mulher. Uma média etária de 20 e poucos anos. Claro que tem várias visitantes que não se identificam ou comentam, por isso é difícil dizer com certeza.

- Quais os principais fatos ou tópicos que são postados em seu blog?
Normalmente fatos do meu cotidiano, pensamentos, histórias criadas por mim, poesias... qualquer assunto que mereça um post.

- As atualizações são feitas com qual periodicidade?
Tento atualizar com o máximo de assiduidade que consigo, porém tenho me tornado um pouquinho relapso, mas estou voltando ao ritmo normal. Gosto de postar pelo menos uma vez por dia.

- Qual o horário que você escreve no blog?
Escrevo quando tenho tempo... Normalmente à noite, que estou mais tranqüilo.

- Você recebe a colaboração ou aceita que outras pessoas publiquem artigos ou manifestem?
Sim, claro... porém isso ainda não aconteceu. Mas o espaço dos comentários está aí pra isso mesmo.

- Qual é o objetivo do seu blog?
Descarregar minha cabeça... Realização pessoal de escrever.

- Até hoje qual o post que mais foi comentado?
O post com a história da Manca ou com as "Sortes" do Orkut.

- Dentro deste blog existe algum tipo de publicidade que reverte algum valor financeiro para você?
Não existe. Mas bem que podia ter né! hehehehe

- Por quê você indica que uma pessoa tenha um blog?
Porque é uma ótima maneira de aliviar a cabeça.

- Por quê você indica o seu blog?
Porque ele não tem pretensão nenhuma e acaba chamando atenção! rs
******************

É isso queridos... até a próxima edição!
ha ha ha ha

Viva o Shopping!


Quinta, dia 30, foi o 11º aniversário do Shopping do Calçado de Franca, com direito a um coquetel comemorativo. Vamos aos destaques do evento:

* Aproximadamente 3 dias para montar a estrutura metálica (uma tenda na verdade) no estacionamento do shopping. - Agora olha pra mim e responde: a festa foi para os funcionários também, que passam praticamente os 7 dias da semana lá... custava ter feito num lugar diferente para variar?

* A lembrança que podíamos levar da festa eram velas de um metro de altura... pilares de parafina! hehehee.... brincadeira.

* Presença de muitos pseudo-famosos da cidade. Ou seja, falação por um tempo beem grande! E olha que eu cheguei uma hora depois do previsto para o início e fiquei ouvindo mais uma hora de blá-blá-blá. (e ainda fui submetido a uma chamada de atenção por um garçon, alegando que era para falarmos baixo pois o pessoal da organização estava se sentido atrapalhado. Como se o que eu estivesse falando sobreporia-se à voz do cara no microfone. Isso porque mais ninguém estava tolerando tanto assunto sem graça)

* Mesas com petiscos - torradinhas e patês (de cores estranhas), amendoins e castanhas, pãozinho recheado com frango frio, queijos (dois tipos, sendo um deles mussarela), frios e cachos de uva itália deliciosa!

* Champagne (não, não era Chandon), cerveja, água, coca-cola, guaraná e whisky (fiquei chateado porque quando cheguei não estavam servindo bebidas... e depois o champagne acabou antes que eu me desse conta)

* Bolo de aniversário para o shopping e queima de fogos de artifício (eu, como bom piadista oportunista que sou, não perdi a chance de fazer comentários bastante interessantes:
"fogos estourando no ar"
EU - Adeus ano velho.... feliz ano novo... Não? Ainda não é hora?
"fogos estourando no ar"
EU - Vou aproveitar e fazer minha oferenda pra Iemanjá! Pego um desses enfeites, coloco umas 7 uvas, que é o número cabalístico, aproveito para deixar a vela e despacho barranco abaixo! Vai ver que sendo em baixa temporada ela me atenda primeiro!
"fogos terminando de estourar"
EU - Copacabana devia aprender a fazer queima de fogos viu! Deixamos o Rio no chinelo!)


* Banda "Sambô" - confesso que fiquei um pouco preocupado com a descrição da intensão do grupo: fazer samba com todas as músicas do repertório. Sendo elas sambas originais ou não. Mas foi uma surpresa muito agradável quando começaram a tocar. E me diverti muito dançando, embalado pelo batuque e taças de champagne! - detalhe: terminaram de tocar não era nem 1:30... mas tá... dancei com gente que eu nem sabia que trabalhava no shopping!

* Virei para o administrador do shopping, no final da festa, e falei: "Amanhã é facultativo né??" Ele preferiu só rir (e ontem distribuiu cumprimentos pelos corredores, coisa que não tinha feito durante um ano que estou lá...)

Vamos ver se ano que vem conseguimos mais champagne, mais tempo de música e quem sabe até um outro lugar! Nos 15 anos terá valsa!!! Não percam!

Guru Orkut


Sorte de hoje: Há uma carta ou mensagem alegre chegando para você

Ok, usemos a Teoria de Jack e vamos por partes:

1 - A carta também será alegre como a mensagem?
2 - Seria uma carta de cobrança de um dos lugares que querem negativar meu nome junto ao SCPC/SERASA?
3 - Seria uma mensagem alegre E subliminar?
4 - Chegando pelos correios ou utilizando um mensageiro próprio?
5 - Será que foi alegre também para quem escreveu? Vai que de repente é um testamento de um parente/parenta distante me deixando um legado e estabilizando minha vida financeira... bem capaz que não foi tão alegre pra ele/ela, né?
6 - Chega para mim onde trabalho ou onde moro?

Mãeezinhaaa... (do jeito que eu faço) muitas dúvidas!!

Guru Orkut


Sorte de hoje: Você subirá de posição social sem nenhum esforço especial.

Sempre tem uma escada rolante pra auxiliar nossa ascensão rumo ao estrelato social. Agora vem cá, o que seria esforço especial? Algo extra-humano? Porque eu praticamente perco sangue diariamente no sentido de ser uma pessoa melhor! hehehe...
Subirei logo? Porque a informação vem sempre pela metade? kkkk

areia neles!


Hoje é domingo e como ficou estipulado há 3 ou 4 semanas atrás, joguei voleibol. Mas dessa vez eu não senti tanta satisfação em estar lá no meio daquela areia fofa que gruda na perna e nunca mais sai... (mesmo com uma presença ilustre de um cara que apareceu por lá vindo não sei de onde e acabou ficando e se comprometeu a ir outras vezes! Joga bem. Pra não deixar os outros atributos em evidência também!). Eu disse que não fiquei completamente satisfeito por causa de umas pessoinhas com as quais não tenho tanta (nenhuma) afinidade, aí já viu, minha Gira sobe e o negócio desanda! hehehe.... brincadeira. Os jogos foram bons, galerinha animada, muita areia pro caminhão de todo mundo.

O que ficou um pouco a desejar foi o pessoal da organização do Posto... gente... uma implicância sem tamanho! De hora em hora indo lá parar nosso jogo, tão preocupados estavam com o pagamento adiantado das 50 mil horas que havíamos reservado. Da próxima vez já me avisem que passo no cartão de crédito... (de outra pessoa, claro!!!)

Tô com areia no meu olho esquerdo que não sai nem por despacho! Não dou conta. E por falar em não dar conta, quero só ver eu amanhã trabalhando (abatido, como diz minha patroa.)

Só sei que de acordo com um burburinho vindo dos ventos do sul, domingo que vem algumas pessoas não irão por causa do show da Iveta... eu também to achando que não vou porque trabalharei e isso de ficar me deslocando de extremo a extremo pela cidade me cansa muito. Mas veremos.

Estou doloridinho agora... prometo não ficar muito tempo aqui sentado. Ou se ficar é porque faltaram forças para levantar! rs

Guru Orkut


Sorte de hoje: Por trás de um grande homem sempre há outros grandes homens... ou uma mulher.

A melhor!! Eu ia dormir toda noite com a esperança de que quando eu abrisse meu Guru Orkut no outro dia eu veria esses dizeres! É ou não é fantástico?! Apesar de que uma oferta dessa dificilmente acontecerá... até a parte das reticências eu não duvido muito! hehehe...

SÓ PRA ME IRRITAR!


Quem disse que todo mundo tem que gostar dessa coisa chamada "horário de verão"? Desde quando tenho noção de hora/dia e depois passei a associar horário de verão nesse contexto, eu não fui com a carinha dele. Quando a gente é novo até gosta porque pode ficar mais tempo brincando na rua até mais tarde (era o que eu fazia), mas a idade vem vindo, ficar na cama soa mais gostoso que passar mais tempo acordado... aí já viu! Esse horário de verão chega e acaba com a nossa vida!

A insatisfação começou quando eu estudava de manhã. Uma hora a menos de sono na vida de um adolescente é praticamente um atentado ao pudor! Mau humor na certa! Eu levantava ainda estava escuro, o que já começa a tirar toda a credibilidade do projeto em dizer que há economia. Como pode ter economia de alguma coisa sendo que temos que acender luzes antes, banho quente cedo também, ou seja, tudo que supostamente seria economizado por conta de uma hora a mais de luz natural à tarde, é gasto de manhã pela falta dela.

Outra coisa, ninguém perguntou se eu estou de acordo com essa perda diária de uma hora na minha vida. Isso num dia só ninguém dá muita importância, agora faça uma projeção até o ano que vem!! Uma hora se torna dias, queridos! (eu até colocaria os números aqui, mas façam as contas por si só!)

Mais alguém também é a favor de um plebiscito? Uma greve geral? Uma romaria? Pelo amor de deus! Alguma atitude para acabar com esse absurdo de horário de verão! Que nem acontece no país todo... agora, só porque eu tenho que morar no Sudeste tenho que aturar essa coisa!

Guru Orkut


Sorte de hoje: Você será reconhecido e homenageado como líder de uma comunidade.

Tenho até medo dessas previsões do Orkut... Imagina se essa liderança seja de uma comunidade de sigla? kkkkk

Guru Orkut


Sorte de hoje: Seus princípios valem mais para você do que dinheiro ou sucesso

Posso pagar minhas contas com eles então???

Esse Orkut...


Sorte de hoje: Pare de procurar eternamente; a felicidade está bem ao seu lado

Esse Orkut não acabou comigo ainda porque eu tenho a proteção de Papai Dinahdá. Quer dizer então que eu estou feito um idiota procurando por aí, vindo neste blog reclamar quando minha felicidade está linda bem do meu lado??
Só se ela estiver na casa do meu vizinho mafioso que mora do lado direito ou então cavando um buraco no terreno baldio, do lado esquerdo da minha casa. Ou quem sabe ela está no ponto de ônibus né orkut?
Não sei o que foi mais forte - o "eternamente" ou "ao seu lado"...

Fui ATACADO!


Bom, antes de mais nada vou explicar os procedimentos para as compras de atacado na loja:
- Possuir CNPJ ativo
- Pedido mínimo inicial de R$1.500,00
- Pagamento à vista em espécie ou utilizando o cartão de crédito (débito ou em último caso, em 1x para a fatura)

Ok, sabendo de tudo isso, um casal que se interessou em comprar nossos produtos voltou à loja ontem, dizendo que tinham feito cadastro, que iriam comprar uns pares, que queriam dividir em 4x e blá blá blá... Tive de explicar os requisitos acima mais de um milhão de vezes e ainda fui forçado a ligar para meu patrão no sentido de obter uma condição diferente.

Pulando para a parte que interessa, tô vendo a mulher separando um par de cada modelo, mudando a numeração, alegando que estava começando agora, que iria fazer um teste, que não sei que, nhem nhem nhem! Já fiquei atravessado... E com muita calma e jeito fui falando que teria que ter uma grade para os modelos.

Só sei que de repente essa mulher virou pro suposto marido, falando que não ia mais comprar, que estava muito difícil, que eu estava complicando e mudando tudo que já tinha sido acertado, que eu tinha desrespeitado os dois, feito piadinhas... Ahh minha gente, mas aquilo me subiu e eu tive que contar até MIL pra não falar merda pra ela. Só respondi assim, me fazendo de vítima:
- Olha, eu jamais fiz qualquer tipo de piada ou desrespeitei vocês. Realmente, falando assim vocês me deixaram bastante chateado. Eu apenas estou seguindo o procedimento e infelizmente desse jeito não tem como eu fazer nada. (quando na verdade o que eu queria falar mesmo era: Olha aqui sua idiota, não tem como eu vender um par de cada modelo para você copiar e ainda por cima querer levar sem as caixas tá entendendo? E outra coisa, você não me viu desrespeitar alguém, quando eu começar aí sim você vai saber!)

Então eles desejaram boas vendas para mim, saíram e a louca completou:
- Eu uso chinelinha, mas pago minhas contas!
E eu:
- Que bom! Eu nunca duvidei da sua integridade. (entenda - Ah é? Pelo menos as contas tem que pagar mesmo! Quer aproveitar e pagar as minhas? Feia! Sai logo daqui antes que eu resolva falar pro shopping todo umas verdades de você!)

Agora olha pra minha cara e vê se isso é algo para se tolerar?!

FORA DE HORA


Bom, ontem depois de ficar completamente absurdado com uma cliente insuportável na loja (farei um post só para isso), recebi um convite do meu amigo Dan para irmos a buyti, pois, segundo ele, não seria cobrada taxa de incursão! hehehehe...

Tá, aceitei o convite só que já veio o problema: como iríamos? Nada de ninguém emprestar o carro (ou não tinha para quem pedir ou não tinha carro pra emprestar). Até que sugeri que ele viesse para casa e minha mãe levaria a gente. E assim deu certo.

A tal baladinha começou cedo coisa nenhuma! Praticamente ficamos esperando na porta, do lado de fora, dando close. Mas depois foi ficando bom, quando estávamos lá dentro. Música bombando... a reforma deixou o lugar interessante, mas mesmo assim não me convenceu. Ah, e esqueceram de chamar mais pessoas bonitas e avisar aos gays que eles podem freqüentar novamente a boite! hehehe... Mas voltando... dancei MUITO! Meu deus... até tinha me esquecido como estava cansado.

Milagrosamente o táxi que queríamos chegou antes mesmo de chamar (eu gosto desse tipo de eficiência!). Cheguei em casa morto de fome e aproveitei para comer alguns pãezinhos recheados com frango e catupiry que minha avó tinha feito. Nham nham!

Depois fui mostrar umas fotos antigas, digo, da minha infância e pré-adolescência e ficou decidido que irei digitalizá-las no sentido de colocar no álbum do orkut. Isso porque tenho contato com praticamente todas as pessoas das fotos selecionadas!! Adoro!

Fui dormir com um zumbido terrível no meu ouvido esquerdo (só nele) que quase não me deixa dormir. Tive que utilizar uma técnica não muito difundida de controle e abstração da mente no sentido de deixar de ouvir. Agora estou com o ouvido entupido...

Como eu descobri que não precisarei ir trabalhar cedo hoje, nem voltei a dormir para colocar os assuntos em dia aqui. Olha só que coisa boa né! E - pasmem - estranhamente não levantei de mau-humor. Como estamos!!

outro.

CONSEGUI!


Olha, vou te contar, tive essa idéia fantástica de organizar as postagens com os marcadores, mas eu nunca tinha imaginado o tanto de coisa que já tem postada aqui! Porém, está pronto! Agora todas as postagens serão acompanhadas dos famosos tags para tornar a navegação mais fácil. E também para aqueles que quiserem rever tal postagem... enfim. Eu gostei de como ficou.

Orkut


Sorte de hoje: Você é sociável e divertido

Olha, mas até que enfim o Orkut deu uma dentro não é mesmo?! Mas eu teria colocado: você tenta ser sociável e sabe que é difícil, mas também é muito divertido! kkk...
Ai... não dou conta!

do Orkut


Sorte de hoje: O coração é mais sábio do que a razão

É... só não deixa a razão saber disso porque ela tem o hábito de querer ser dona de si em tudo! hehehe....
Problema é se o coração for disléxico, DDA, tiver TOC... aí já viu!

outro.

Segundinha


Então estou eu na loja, cumprindo 3 horas de trabalho porque não tenho mais folga de um dia, quando minha patroa vira pra mim e fala:
PATROA - Nossa Gabs, você tá tão abatido!
EU (fazendo cara de abatido porque o comentário tinha sido realmente abatedor) - Tô?
PATROA - É... parece que está gripado ou então chorou. Você chorou?
EU - Não... pelo menos não hoje. Eu joguei volei ontem.
PATROA - Ah, então pode ser isso... Magrinho não pode fazer exercício que já fica diferente. Você tá se alimentando direito? Tem que tomar umas vitaminas!

Agora olha pra mim e responde: será que meu cabelo neste estado compromete tanto minha aparência? Meu deus! Vou cortar já! Só não pego da máquina para cortar e faço o serviço sozinho porque tenho certeza que não ia ficar muito melhor do que está.

Mas francamente né, senhora dona patroa. Eu que não falo umas verdades pra ela porque eu sei a hora de me calar. (sei?)

outro.

Continuando


Enganei todo mundo dando a impressão de que ia voltar a postar compulsivamente... até a mim! hehehe.... Bom, mas esse final de semana foi até que bom.

Na verdade, sexta eu achei que nem fosse sair, mas de repente meu amigo Eddie ligou me orientando no sentido de que me buscaria dali a pouco. Só que ele foi com uma pessoa de quem não fui muito com a cara. Tá, falaram que era legal, engraçada e etc, mas sei lá... não o bastante pra mim. E me deixem!

Fomos para a casa da Lalinha (sim a do blog) e passamos umas horinhas boas, como se diz por aí. Vinho, pedaço de pão de forma, espetinhos diversos (que não comi). Eu tinha ouvido a mãe dela comentar algo de uma torta de banana e chocolate que não senti o cheiro! Mas tudo bem.

Aí no sábado eu fiquei virado e não quis sair. Apesar de o Rafa, o Eddie e o Marco terem me enchido o saco ligando... eu táva mais no espírito cama. E também porque estava cansado e sem vontade mesmo de ver as pessoas.

Hoje teve voleizito de novo com pessoas novas. Foi bom. Depois passamos no carrinho de lanche onde eu comia quando morava no outro bairro. Oun! E eu achei o máximo porque não paguei! kkk! Achei que o sistema fosse igual no outro carrinho de lanche que ultimamente tenho comido. Eu juro que tinha intensão de pagar, mas o cara simplesmente jogou a bandejinha com o lanche na minha cara que mudei de idéia. hehehe....

De lá cada um tomou seu rumo. Como eu tinha conseguido salvar R$5,00, fui até a casa da Pryce com ela e o Dan. Uma delicinha. Tirando a areia e um pouco do cansaço! hehe...

A internet aqui em casa deu sinais de problemas hoje, minha irmã disse. Mas era só por pouca coisa. Ainda bem!

Tá bom né?

outro.

NOVOS...


Bom, deixando um esclarecimento sobre os novos links do ladinho...

O Geração Incendiada é do meu amigo Ricardo (o que fez a imagem do blog). Ele tem uma veia política bem apurada e está planejando outro blog.

O outro blog é da querida amiga-bailarina, Isa Lellis. Histórias de uma lua para qualquer um ler. Notívago ou não.

Casos de Família


Bom... então estou no meu soninho hoje cedo quando de repente minha mãe irrompe (nunca achei que fosse usar essa palavra) meu quarto e já começa a falar umas coisas que eu demorei um pouco para entender completamente o sentido devido ao meu estado sonolento... Só sei que consegui discernir algo como levantar logo, ajudar a lavar a cozinha e arrumar lá no fundo. Eu confesso que não quis levantar não, pois era muito cedo e ultimamente eu estava tendo que sacrificar esse sono da manhã. Decidi ficar um pouquinho mais na cama.

Quando levantei e fui até a cozinha, lá estava minha mãe com meu irmão no colo, a cara fechada, mal falou comigo e ficou lá dando de mamar para ele. E eu parado na frente, encostado no armário, esperando qualquer coisa. De repente ela disse que tinha me chamado há uma hora, para ajudá-la a fazer umas coisas, organizar, cortar meu cabelo... aí eu comentei que não precisava se preocupar com o cabelo porque eu usaria o gel e a gente cortava outro dia.
Ela disse: então pode voltar a dormir.
Oh.... vê se pode uma coisa dessa!!

Por isso vim pra cá e estou postando agora cedo, coisa que fazia tempo não acontecia.
Mas agora é deixar acalmar... quando alguém está com a vó atrás do toco, não há muita coisa que se possa fazer.

outro.

NO SENTIDO DE ATUALIZAR...


Como estou sem postar há alguns dias, aqui vai um pequeno compilado com as últimas.

- Mamãe, titio e vovó me ajudaram a pagar parte do estrago do carro. Se compadeceram de mim!

- Breve conversa na loja entre meu patrão e minha patroa:
PATROA - Vamos bem porque já é tal hora*.
PATRÃO - Mas já? Que isso! Olha aqui, ainda é tal hora*
PATROA - Claro que não... olha no meu!
PATRÃO - Teu relógio tá com problema de novo, bem.
PATRÃO - Não é possível.. Acabei de levar pra consertar. Vai ter que ir de novo...
PATROA - Espera aí.. deixa eu ver uma coisa... tá de cabeça pra baixo! Você tá usando o relógio de cabeça pra baixo!

Como vocês bem me conhecem, tive que rir... mas eu só ri porque minha patroa e esposa dele também riu! E ele também e minha gerente também! hehehehe...

- Agora trabalho numa filial do BBB! Sim... instalaram câmeras de vigilância com áudio na Yellow Port! Monitoramento 24h! Para todo lado que se olhe - câmera! Agora uma dúvida: se pode comprar todo esse equipamento (inclusive um computador novo), por que é que aumentar meu salário fica difícil... hum.... bom, enfim!

- Outubro chegou, mas onde está a tal revista Enfoque com a entrevista? Será que ficou tão desfocada que não se pode ler? Dei uma passada de olhos na revista que estava na administração do shopping e quedê entrevista? A menos que estivesse escondida entre páginas ou então esteja numa edição especial onde colocarão nossas fotos na capa, não vi nenhuma linha de referência a blogs. Humpf!

Depois tem mais!

outro.

* - coloquei esse * porque não me lembrava que hora era...

Da série...


... Situações que me irritam!


- Quando minha mãe vem acordar meu irmão e eles ficam conversando e não estão nem aí se eu dormia ou não.
- Quando meu irmão sai do quarto e deixa a porta aberta, fazendo com que assim eu escute toda a movimentação no corredor.
- Quando o chuveiro simplesmente perde a potência e a água esfria um pouco durante o banho.
- Quando eu acordo mais cedo, me apronto, vou esperar o ônibus e descubro que ele já foi.
- Quando abro a geladeira querendo coca-cola e só encontro suco de dois dias atrás. Ou quando acho a coca-cola e ela está choca.
- Quando passo um dia inteiro na loja sem nenhum movimento ou cliente e aí do nada, 19:55, entra um.

*
*
*
*

eu juro que ia colocar mais coisas, mas faz muito tempo que comecei esse post e aí perdi um pouco do fio da meada... paciência né! hehehhe....

outro.

O Orkut de novo... (na falta de assunto)


Eu sei que deve ser um saco ficar lendo isso, mas é que eu não dou conta e tenho que botar as barbaridades que o Orkut sai proclamando por aí!

Sorte de hoje: Hoje é um bom dia para distribuir alegria.

Vamos às minhas considerações...

1 - Digamos que "alegria" seja aquele Dvd do espetáculo do Cirque de Soleil... Porém não tenho condições financeiras de comprar vários só para distribuir por aí depois.
2 - Tá... então o Orkut tá me achando com cara de palhaço, só pode...
3 - Não, não tenho dinheiro para esmolar.
4 - Vou passar o dia todo fazendo piadas.... mas temo ter um estoque pequeno. A menos, é claro, que algo extraordinário aconteça. O que não me surpreenderia por causa de como está a semana.

Deixe você também sua opinião!!

outro.

Como estamos!!


Yes! Nós temos cara nova, queridos amigos, leitores e passantes!!

Tenho que dar todos os créditos pela criação para um novo amigo virtual - Ricardo. Ele tem um blog também e eu prometo que vou colocar o link aqui depois, porque agora estou na loja e tudo que posso fazer é escrever essas linhas. Só consegui colocar a foto porque antes de sair de casa mandei um e-mail com a foto anexada... Mas e dái?! Para que essas justificativas não é mesmo? O importante é que eu adorei o presente dele para o blog e acho que mais pessoas vão gostar!!

"Que bonita sua foto..."

outro.

TINHA QUE ACABAR ASSIM...


Nessa semana em que começou a chover de repente, esfriou e depois o sol saiu matando, fui praticamente testemunha ocular de um assalto, meus familiares presenciam um acidente... só podia terminar assim como vou contar....

Hoje recebi a notícia de que poderia sair com o carro se quisesse. Eu até fiquei animadinho, mas depois fui ficando menos entusiasmado à medida que cheguei em casa. Bom, acontece que minha irmã chegou e eu decidi dar uma voltinha de carro com ela. Arruma aqui, pega documento ali, óculos, chaves, minha irmã abre o portão, eu ligo o carro, começo a descer a garagem quando... PÁ!

Sim leitores, foi o barulho de uma batida. E não fiquem aliviados achando que foi uma batida na rua... tsc tsc tsc... nada disso! EU bati com o CARRO no portão de casa... ai Mãezinha... (foi o que eu disse). Broxei na hora né. Voltei com o carro pra dentro, vi o estrago e já estava pensando em dizer que alguém tinha batido em mim sem eu ver, enfim... esse tipo de coisa, quando vou fechar o portão e noto que ele não está mais como de costume. Ou seja, não fecha como antes! Sim amigos, desgraça pouca é bobagem! E logo, minha história caiu por terra....

Agora me respondam: Quão caro fica um conserto disso??

Tá... vejamos pelo lado menos trágico da situação: pelo menos ninguém está ferido, não houveram vítimas, não bati em nenhum outro carro, não há hospitalizados... uma pena o carro não dizer o mesmo. Mas eu acho que isso tudo foi um sinal, uma forma de ter evitado algo pior.

Liguei para meus amigos no sentido de me consolarem. A Spinelli foi uma graça... e com o Eddie então nem se fala! hehehe... uma terapia. Deixarei trechos da conversa:

"Tô calmo. Até minha mãe chegar né!"
"Vou pegar um ônibus pra São Paulo, porque fica mais barato eu ir pra lá e fugir do que arcar com isso!"
"Fala que sua irmã virou pra você e disse que estava namorando e você perdeu o controle e bateu!!" - By Eddie
"Mãe, imagina, nessa idade... é de deixar qualquer um transtornado, onde já se viu" - Eu, como querendo tirar o foco da situação...
"Ele está tão abatido... / Quem? O Biel? / Não, o carrinho, coitado!"
"É nisso que dá vocês beberem e voltar pra casa dirigindo. Bateram e nem sabem!"
"Biel, vem pra cá... / Só se for a pé né, porque depois disso dinheiro só pra pagar o estrago!"
"Se não ouvir mais falar de mim é porque tive que vender meu celular para pagar parte da dívida!"
"Ainda bem que foi o Uno, imagina se é o Palio! Mãezinha! Olha como deus é bom, ia ficar o resto da minha vida pra pagar, tendo que fazer programa!"

(pausa para efeito dramático)

Fiz uma pausa para terminar esse post porque eles chegaram (mãe e padrasto) e já contei para eles. Não teve olhares fuziladores, ameaças, dedos apontados... ufa! Minha mãe foi bastante tranqüilizadora e ela sabe muito bem como estou. Agora é esperar a conta do funileiro chegar. Da próxima vez não aceito a oferta de sair de carro, ou então que façam um portão maior ou um carro mais estreito! hehehe....

Mas já fiz minha oração à Mãe Menininha pedindo proteção porque eu tenho certeza que tem um ou mais dedos Daquela Que Não Ousamos Dizer O Nome - vulgo Manca. É bem a carinha dela querer deixar um lado só do carro avariado para que todos vejam sua marca maligna contra o equilibrio!

outro!

Pare, mãos ao alto!


Então estávamos mamãe, eu, minha irmã e meu mais novo irmão voltando do shopping quando decidimos passar no Drive-thru do Habib´s de modo que eu comprasse algo para comer.

Nem bem paramos na fila, um sujeito de moto parou logo atrás de nós e ficou o tempo todo acelerando a mota dele, impaciente. Aquilo já foi me deixando bastante irritado, mas como eu estava com a minha mãe conversando e etc, nem dei muita bola.

Assim que pegamos o troco, saímos do rumo do caixa e ficamos lá, esperando a coisa desenvolver na nossa frente. Quando de repente minha mãe vê uma movimentação do carinha do caixa e a gente escuta:

- Eu acabei de ser assaltado aqui Eu fui assaltado!

Ficamos olhando aquilo tudo e de repente um clique - onde está o cara da moto????? Justamente!!! Ele foi o autor minha gente... olha que bafo! Imagina... e nós bem na frente. Com certeza ele estava armado, para pegar fácil o dinheiro.

Aí minha mãe e eu já ficamos imaginando se ele resolvesse ir limpando quem estivesse na fila... ou então tivesse ido acompanhado e enquanto ele roubava o caixa, o parceiro pegava o pessoal esperando...

Ainda bem que Mãe Menininha estava lá olhando por nós... Sinceramente! Essa cidade é um verdadeiro matadouro para pessoas finas! Quem pode frequentar um drive-thru aqui? Poxa!

outro.

quase conseguindo....


Um teaser do novo visual do blog....



Lalinha, achei ótima a sugestão do Pyzam, mas eu não sei lidar com aquele negócio... tipo, modificar o que está escrito, esse tipo de coisa.... mas obrigado pela dica.... quem sabe eu aprendo...

Bom, esse pedacinho é de uma imagem que um amigo meu fez especialmente sob medida, depois de várias modificações e eu pentelhando o tempo todo ele no msn! hehehee.... Espero que o resultado final seja do agrado de todos, porque eu achei o máximo!!

outro.

MUDANDO


Não, não estou mudando de residência - ainda, ou de emprego, por ora... mas como iniciou-se um novo mês, diz a tradição deste blog que se mude seu visual.
Portanto, nesses próximos dias estarei fazendo diversos testes de modo a escolher o novo layout. Sugestões, envio de fotos serão muito bem vindos com certeza!
Acho que vem surpresa por aí!!

outro.

trechos... II


SET CHICO BUARQUE & MARIA BETHÂNIA

"É minha lei, é minha questão
Virar esse mundo, cravar esse chão
Não me importa saber, se é terrível demais
Quantas guerras terei que vencer
Por um pouco de paz" - Sonho Impossível

"Vem, por favor não evites
Meu amor, meus convites
Minha dor, meus apelos
Vou te envolver nos cabelos
Vem perde-te em meus braços
Pelo amor de Deus!" - Sem Fantasia

"Com açúcar, com afeto,
fiz seu doce predileto
Pra você parar em casa, qual o quê" - Com açucar, com afeto

"Deixe em paz meu coração
Que ele é um pote até aqui de mágoa
E qualquer desatenção, faça não
Pode ser a gota d'água..." - Gota d´água

trechos...


Título auto-explicativo. Algumas músicas, pensamentos, enfim... basicamente músicas.

SET DAMIEN RICE

"Amie come sit on my wall
And read me the story of O
And tell it like you still believe
That the end of the century
Brings a change for you and me" - Amie.

"And I die when you mention his name
And I lied, I should have kissed you
When we were runnin' in the rain" - Cheers, Darlin´.

SET GARDEN STATE

"They will see us waving from such great heights
"Come down now" they'll say
But everything looks perfect from far away
"Come down now" but we'll stay" - Such Great Heights, Iron & Wine

"So let go, jump in
Oh well, whatcha waiting for
It's alright
'cause there's beauty
in the breakdown" - Let go, Frou frou

Divã


Obrigado por poder me ver a essa hora num domingo, doutor. Era para eu ter ligado mais cedo, mas hoje foram mil coisas acontecendo, meu irmão tomando tempo no computador, enfim. Mas vamos ao que interessa afinal é bem capaz de o senhor estar cobrando bandeira 2 por minuto dessa consulta!
...
Não é que eu seja uma pessoa difícil de ser agradada, exigente demais, perfeccionista e toda sorte desse tipo de adjetivo. Nada disso! Eu simplesmente sou alguém criterioso! Poxa, o que há de mal em ter certos critérios na vida, meu deus? É uma questão de selecionar... tudo nesse mundo se seleciona - café de grãos selecionados, vestibular, seleção natural... coisas bastante comuns. Bom, o fato é: será que esses critérios estão me prejudicando? Vou dizer alguns para você, doutor, e espero uma análise sincera ao final.
Claro que a pessoa pode ser bonita, oras! Não tenho nada contra pessoas bonitas, de verdade! Não quero essa beleza plástica e facilmente comercializável (isso não quer dizer "pessoa feia") que se encontra por aí... mas também não é para ficar se expondo por aí para todo mundo ver que se é bonito, não é mesmo?
Sim, aceito uma pessoa comunicativa, dinâmica, extrovertida... mas isso de ficar se socializando demais não dá! É tão ruim assim ser discreto, contido na medida certa? Eu acho que não!
Prezo pela estabilidade laborial e financeira... Pode até ser divertido sair por aí com uma mochila nas costas, conhecendo lugares diferentes e tudo, mas com a segurança de saber que bem guardadinho está o cartão com crédito considerável!
Sem esquecer de um gosto musical distindo. O que não quer dizer ter de ouvir apenas Bach ou Mozart ou Chico ou Bethânia ou Vanessa... Só que batidão, pancadão, modão, pagodão... sinto muito né... não!
Ah, e a questão geográfica da história. Eu não descarto pessoas de outras cidades e/ou estados do território nacional, pelo contrário, adoro conhecer pessoas de outras localidades. Mas se for pra ser de longe, que tenha uma certa mobilidade, por favor! Venha ao meu encontro ao invés de ficar nessa de culpar a distância.
Sabe doutor, eu acho que se a pessoa puder, como eu posso dizer... perceber essas particularidades, tudo vai ficar muito mais fácil no sentido de travarmos qualquer tipo ou tentativa de relacionamento, não é mesmo?
...
Oi? já acabou meu tempo e o senhor estava quase dormindo aí na cadeira? Como estamos hein...

outro.

Orkut, número ? ? ?


Sorte de hoje: Você terá felicidade e harmonia na sua vida amorosa

Tá, primeiro o principal - que vida amorosa? Eu e alguns chocolates pode ser considerado vida amorosa? não?
Porque pro Orkut é fácil deixar essas mensagens bonitinhas por aí sem saber como é difícil estabelecer uma "vida amorosa" decente nesse lugar onde eu moro. E não é por falta de tentar não, viu! Que fique bem claro!
Aliás isso é tema para o próximo post de amanhã, pois tenho consulta com meu terapeuta virtual.

outro.

Ilustração Musical



Fazia tempo né? hehe... leiam a letra e procurem na Rádio Uol

FLORES HORIZONTAIS - Elza Soares

Flores horizontais, flores da vida
Flores brancas de papel
Da vida rubra de bordel,
flores da vida
Afogadas nas janelas do luar

Carbonizadas de remédios,
tapas, pontapés
Escuras flores
Puras, putas, suicidas, sentimentais
Flores horizontais
Que rezais?

Com deus me deito,
com deus me levanto...

DESABAFO DE UM VENDEDOR


Antes, um breve histórico profissional...

ANOS TRABALHANDO NO COMÉRCIO - 4
FINAIS DE ANO EM QUE TRABALHEI - 4
CURSOS DE VENDAS - Friedmann e SEBRAE
PALESTRAS, TREINAMENTOS - ACIF, TREINA SHOPPING, Daniel Godri, etc...
TREINAMENTO DIÁRIO E INTENSIVO NA ACADEMIA GEIZA DE VENDEDORES
HORAS E MAIS HORAS NO SALÃO DE VENDAS

Ok, esclarecidos esses pontos lanço essa pergunta:
Como meu patrão tem a pachorra de virar pra mim e falar que eu preciso de treinamento para atender dois clientes ao mesmo tempo?

hein? hein? hein?

Eu fiquei caladinho depois que ele disse isso, mas a minha vontade era de ter falado umas poucas e boas! Ora essa! Não faz uma semana que eu tô nessa de vender, meu deus!
Atender 3 clientes, que não paravam de falar, andando de um lado para outro na loja, subindo e descendo do estoque sabe-se lá quantas vezes, discutindo e convencendo, fechando venda e blá blá blá... tudo ao mesmo tempo, isso ele não viu né!

Mas ainda bem que Mãe Menininha é mais e minha gerenta sabe das coisas!

Agora olha pra mim e responde: quem fica na loja e lida com cliente - ele ou eu?

outro!

ATENÇÃO!!


Não percam!

Em breve...

DESABAFO DE UM VENDEDOR!

Aqui, neste blog.

do Orkut, de novo!


Sorte de hoje: "Se seus desejos não forem extravagantes, eles serão realizados"

Não tô entendendo Orkut... quer dizer então que querer uma casa na praia, com a geladeira estocada com Chandon, chocolates espalhados pela casa, um moreno alto bonito e sensual dentro da banheira me esperando e não trabalhar mais são desejos extravagantes?!?!
Se isso não for o básico para uma sobrevivência razoável então não sei mais nada meu deus!

outro!

Outra do Orkut


Sorte de hoje: Seu grande sonho é constituir família

Tá bom!!
Eu não posso ter filhos Orkut, meu útero é infantil!!
hauahuhauhuahuha.....

Com o devido respeito a todas que tiverem útero infantil, mas o orkut tem que pensar melhor antes de sair por aí escrevendo toda sorte (hehe) de infortúnios! hehehe....

outro!

RESUMÃO!


Tá bom... atirem-me pedras se quiserem, mas não postei essa semana por preguicinha... e também porque tem tanta coisa que não estava sabendo por onde começar e na loja não estou podendo facilitar ficando sentado atrás do balcão postando compulsivamente (sábado passado levei um susto quando achei que meus patrões estivessem no rancho e de repente pum! lá estavam eles na loja...).
Ok... colocarei alguns pontos estratégicos de modo a tornar essa postagem menor, porém boa e ao mesmo tempo misteriosa!

Sexta meu amigo Eddie me convidou no sentido de irmos ao bar do Seu Zé. Eu saí da loja e fui direto ao shopping porque ficaria com muita preguiça se tivesse ido pra casa e só depois ido ao centro. Bom, no ônibus, pra variar, motivo de risada pra mim! Por que alguém que quer conversar com outra pessoa senta duas poltronas atrás numa outra fileira pra depois ficar gritando?
MOÇA 1 - Você conseguiu fazer a prova?
MOÇA 2 - Consegui.
MOÇA 1 - Então deu certo né, pra você fazer?
MOÇA 2 - ... (como diria o Eddie, cara de folha de sulfite)
MOÇA 1 - Eu achei a prova fácil... a sua última pergunta foi de achar x2?
MOÇA 2 - Não.
MOÇA 1 - Ah...

Pois é né... No shopping aquele tanto de pré-adolescente enchendo os corredores, candidatos a vereador entregando "santinho" dentro da loja...
CANDIDATO - Você já tem candidato?
EDDIE - Eu não voto aqui, é lá em Maringá, tenho que justificar...
CANDIDATO - Ah... que pena.
Eu juro que se tivesse olhado pra ele teria rido MUITO!!!

Aí estamos esperando o shopping.... mais pérolas!
MENINA 1 - Olha essa barriga... tem que chupar muito essa barriga ainda pra sumir...
MENINA 2 - Por isso que você está com os peitinhos murchos!!!
Paradas de ônibus me matam!!

No bar foi um máximo também!
CLIENTE - Me dá uma cerveja, seu Zé!
SEU ZÉ - Hein?
CLIENTE - Cerveja, seu Zé!
Como eu tenho o riso solto, já viu! Toda hora esse senhor José me olhando feio (mas na verdade eu acho que esse é o único jeito que ele tem de olhar, nada ficaria mais bonito. ah gente, é a idade né...)

E durante o tempo em que o Eddie tomou uma cerveja, eu duas cocas e comemos um doritos e um baconzitos, foram várias as frases ilustres desse dono de buteco! Sem contar que ele ficou falando do menino que comprou três cigarros e depois foi reclamar porque o cigarro tinha quebrado, e o Seu Zé praticamente botando ele pra correr dizendo que tinha entregado inteiro pra ele! E o momento confissão do meu amigo Eddie... não tem nem como colocar aqui porque eu não conseguiria parar de rir e escrever!!

Sábado e domingo foram um saco... com direito e chuva e frio... então nem vou colocar nada do que aconteceu, porque não aconteceu nada!

outro!

Olha que coisa boa!


Esses dias atrás fui almoçar na minha avó e vi um panfleto da Funerária com que temos contrato. Nesse panfleto mostrava as mudanças da funerária, serviços oferecidos... e fui justamente aí todo o êxtase!! Entre salas elaboradas para velórios custando uns bons mil reais e passeios na limousine - tudo para o morto, claro; a equipe se lembrou também dos que ficam: para a família, uma cesta básica e um botijão de gás!

Isso sim é que é serviço de utilidade pública! Dá gosto ser sócio dessa funerária!
Aposto como nenhuma outra no mercado se preocupa com a alimentação da família! Foi uma jogada de mestre, com toda certeza... porque imaginemos que o marido tenha morrido, a mulher vai estar muito desconcertada para pensar em preparar comida e tal... logo, com a cesta básica, ela já terá tudo mais fácil. Do mesmo jeito se a mulher morrer, normalmente nenhum marido se lembra de fazer compras... novamente a cesta ajudando a preparar aquele macarrão instantêneo!

E não nos esqueçamos do botijão, porque ele sempre acaba quando menos precisamos ou quando não temos dinheiro para outro!

outro!

né?


Entonces queridos leitores... meu computador voltou, olha só que coisa boa né? Mãe Menininha tarda mas não falha! hehehhe.... brincadeira... mas não, não estou postando de casa - estou na lojina. sozinho. esquecido. cobrindo a folga da gerenta.
Por falar em folga esse final de semana que se passou foi a minha folga. Sábado e domingo. Antes não tivesse tirado!!! Só porque não estava aqui (?) a loja vendeu 3 MIL dinheiros!! ahhh que raiva... só comigo mesmo... E eu lá todo feliz comprando calça, bermuda xadrez, camisetinha.... indo jogar volei com meu amigo e chego aqui segunda e já recebo essa tempestade de água fria na minha cabecinha... af... bom, mas paciência...
Eu não vou me prolongar muito porque tenho o que fazer aqui, apesar de não parecer. atender cliente é que não é, pois isso está em falta aqui! hauahahua....

outro.

no sentido de orientar...


sim, poucos talvez tenham notado minha falta de posts por esses dias, mas acontece que Aquela-que-todos-temem resolveu dar uma passada pelo meu quarto e a vítima dessa vez foi meu computador...
Portanto estou esperando que ele volte do hospital de computadores para eu continuar minha saga de posts compulsivos!!

outro.

da série...


... como o Orkut nos faz rir.

PARTE 01 -
"Sorte de hoje: A estrela da fortuna brilha sobre você"

É... deve brilhar tão alto que eu sequer posso ver... quem dirá aproveitar de alguma coisa... tsc tsc tsc!

Adorando!!



Foi meio por acaso que cheguei até esse nome - "Good bye, Lenin!". Porém já tinha ouvido falar sobre. Sabia que era um filme, mas não sabia e ainda não sei do que se trata.

Só que estava eu navegando no Youtube semana passada procurando por vídeos do Yann Tiersen quando vejo um para esse filme... cliquei, ouvi e a musiquinha ficou na minha cabeça - tanto que é a primeira dessa nova playlist do blog.

A música do vídeo se chama "Summer 78".

Não satisfeito e com um certo comichão (comichão se escreve assim?), tratei de baixar hoje a trilha completa do filme, toda ela produzida pelo Yann. Ou seja: M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A!!

Meus queridos amigos e leitores... músicas com tal sensibilidade e poder que me fizeram querer escutar durante todo o dia hoje! É o tipo de filme que a gente sente vontade de assistir por causa da trilha sonora (igual Amélie de Polainas, que assisti depois de ficar apaixonado pela trilha).

Portanto aqui está a sugestão de trilha para a vida e depois que eu alugar o filme, conto aqui o que achei!

outro.

sala de espera


Eu até ia me consultar hoje, mas estou cansadinho e não muito afim de encarar certas coisas.
Portanto doutor, deixe minha reserva para outro dia. Não vou cancelar porque eu pago um absurdo por mês para ter direito a isso e exijo que segure minha vaga!!

Por ora, uma imagem apenas.

Minha Janela Psicológica... (e daí que a maioria das pessoas tem janela imunológica? rs!)

Divã


Doutor, boa tarde... tem um horário disponível à noite?
....
Ok... obrigado! Eu virei sim.

continuando...


... os barulhos que me irritam:

Como minha amiga Lalinha muito bem comentou/postou (sugiro que leiam os comentários deste blog pois são um verdadeiro blog adicional), algumas outras coisinhas que me irritam também:

* Ouvir batuques (batuque na mesa, no chão, palmas... socorro! deveriam amarrar as mãos de pessoas que fazem isso!)

* Assobio (principalmente de senhores quando estes estão em banheiros públicos, corredores de shopping ou ônibus! não estou condenando o fato de assobiarem, mas bem que podiam assobiar quando não tivesse mais ninguém por perto! - principalmente eu!)

* Latido (nossa tem um cachorro insuportável na minha rua. Acho que dois, não sei. Um tem dia que se dispõe unica e exclusivamente e latir latir latir para o que quer que seja... o outro fica se debatendo, acho que tentando se soltar da coleira e parece que vai derrubar uma dessas prateleiras cheias de coisas metálicas)

Tô vendo que essa vai ser uma série bastante longa!!! hehehe

outro.

da série...


... COISAS QUE ME IRRITAM!

O tema de hoje é: SONS, RUÍDOS, BARULHOS E AFINS.

* Porta rangendo (principalmente quando é a porta do meu quarto, de manhã, enquanto eu tento me manter dormindo. a porta do banheiro masculino no shopp do calçado também me deixa terrivelmente irritado! esses dias eu achei estranho ter ficado calmo enquanto estava no banheiro. no outro dia entendi porque - a porta não tinha feito barulho)

* Meu celular acusando bateria fraca

* CPU do computador aqui de casa

* Fonte cascata do aquário da loja

* Telefone tocando

* Campainha

* Muitas vozes ao mesmo tempo

* Meu irmão roncando

* O relógio do meu irmão (que apita a cada hora e sempre 6am ele desperta e fica tocando por minutos intermináveis! meu irmão mesmo não escuta... a vontade que me dá é de jogar o relógio na parede mais próxima)

Para citar algumas apenas.... logo lembro de mais!

humpf!


Olha como que deus é bom...

Saí mais cedo da loja hoje e aproveitei para rever alguns amigos que são escravos, perdão, que trabalham no outro shopping. Fui todo animadinho...
Passo na loja de um -nada... nem fui na loja do outro porque eu sabia que não estaria por causa do horário. Aí me encontrei com meu amigo André.

Papo vai... papo vem... café vai, café vem.... chocolícia vai, chocolícia vem... (porque nas Americanas está R$1,59!!!) quando as revelações começaram a aparecer...

Domingo que passou foram todos para Hot Waters - vulgo Águas Quentes. Eddie, André, Danilo, Rafa, Alexandre... aí me perguntam por que eu não fui, que estava muito bom e etc...
Agora olha pra mim e responde: ALGUÉM PENSOU EM ME LIGAR PARA CONVIDAR?????
NÃO!!!!!!!!

Uma simples ligação - "Alô Biel, tudo e você? Estamos indo para Hot Waters, quer ir também?"
Parece difícil? Não! Eu nem me importaria que a ligação pudesse ter sido a cobrar, mas que ligassem! Mesmo que eu fosse dizer meu habitual "não, obrigado" blasé, mas pelo menos eu que teria sido o anti-social que não se diverte... mas nem essa chance eles me deram! E o Eddie todo todo com o kit Hot Waters... mochila cheia!

E sim, tenho ciúme dos meus amigos quando eles estão por aí e não me chamam!
Parece que nesse finde mais pessoas irão e eu já fui convidado a ir também!

HUMPF!

**************************************
Vou só colocar rapidinho que a sessão (cof cof cof) de fotos durou menos que 5 minutos de flashes e clicks... é, fazer o que, pelo menos teve fota!

outro.

já sei!!


Olha, depois dessa palestra/treinamento da semana passada, eu me peguei pensando em certas coisas e cheguei a uma conclusão - se nada der certo na vida, vou virar palestrante! Mas palestrante tipo workshop! Com pincéis atômicos, crachás, lousa... todo esse material! E, claro, vários casos para ilustrar os tópicos dos encontros!

Mas eu só fiquei assim por causa da palestrante, perdão, "facilitadora". Ela era uma personagem de stand-up, disso não tenho dúvidas! Podem ler nos créditos do treinamento: atriz convidada, Fulana de Tal!

E ela tinha tudo! Vejam só: figurino todo bem pensado - calça jeans, blusa estilo bata, um grande colar com uma grande pedra presa, um único brinco e pulseiras, pulseiras, pulseiras!

Mas eu só tive certeza de que era uma personagem quando, de minuto em minuto, vinha a risada clichê, as pausas de efeito e os causos!! E eu lá anotando todos esses detalhes, porque não conseguia prestar atenção em outra coisa... Era um misto de Aline Durel e Cinderella (vide Terça Insana).

Só falta agora eu me especializar em algum tema, tipo - motivando e cativando funcionários, 10 passos de sucesso para vendas bem sucedidas... , porque histórias eu já tenho e falar é um dos meus fortes! hehehehe....

outro!

não é por nada...


Ok... eu entendo e compreendo que existam estilos e tudo mais por aí e que devemos respeitar pois cada um tem o seu. Eu também tenho o meu e sei o que fica bem em mim e o que não fica. - bomsenso ON! -
Adoro certas peças alternativas para compor meu guarda-roupa. Seja um tênis quadriculado (inclusive já postei uma foto aqui), uma camiseta listrada, um Converse meio cano verde brasil, um terninho Dior, uma calça xadrez... tudo isso sendo usado com moderação.

Aí ultimamente vem um tal modismo de usar lenços... tá... moderninho e ao mesmo tempo retrô, descolado e ao mesmo tempo chique... tudo isso muito bacana. Tenho até um amigo que sempre usou, independente de estar em evidencia ou não. Principalmente quando não estava. É igual ao xadrez. Faz tempo que não visto minha calça xadrez porque onde quer que eu vá tem pelo menos umas 3 pessoas usando... e aí me desanimo. Gosto de usar quando é diferente, quando chama atenção... Mesma coisa quando uma banda de que eu gosto se torna popular... perde o encanto, apesar de eu continuar gostando. Mas enfim... voltando.

É muito bacana que tenham trazido os lenços de volta, mas por favor né, pegar a toalha da mesa da avó e enrolar no pescoço pra dizer que é moda é uma coisa que NÃO FUNCIONA!!!!

Dá até um mau-estar ficar olhando aquele tanto de pano enrolado no pescoço... chega a parecer que está pesando, a pessoa anda meio curvada... além do calor que isso passa.

Que partam minha cara os defensores do uso da toalha da avó, mas moderação nunca fez mal a ninguém!

Sim, isso foi um desabafo... porque como eu sou, não consigo ficar quieto vendo essas coisas acontecerem!! hehehe...


outro para vocês!

Pezinho na Bundinha...


Eu tenho uma mania de ficar reparando nas letras das músicas... Principalmente das músicas de que eu gosto, claro.

Às vezes passa um certo tempo e aí vem como se fosse um baque e eu começo a ficar prestando atenção nas construções, palavras, sentidos ocultos... e reparei que a Vanessa sempre tem uma ótima música pé-na-bunda! Incrível! Em todos os cds lá está uma ou duas! E engana todo mundo com uma melodia bonitinha, umas rimas... mas se parar para analisar está lá! O pé-na-bunda nu e cru! E músicas assim sempre passam a sensação e falsa impressão de quererem dizer justamente o contrário! rs... Te induzem a achar linda e até chegar a pensar coisas do tipo: "ah! vou mandar para fulano..."
Não caiam nessa balela!!

Como eu havia comentado sobre a Vanessa, prestem atenção à minha análise:
PRIMEIRO CD - NOSSA CANÇÃO
Nem sei se é realmente uma música oficial do primeiro cd, mas enfim! Já começa por aí...
"vou cantá-la seja onde for
para nunca esquecer o nosso amor...
... e até você voltar, meu bem, eu vou cantar,
essa nossa canção"
Nem tem o que dizer não é mesmo?! Pé-na-bunda do início ao fim... e foi um pé-na-bunda recebido, coitada... sofrendo do começo ao fim cantando essa música.
"você partiu e me deixou
nunca mais você voltou"

Assim, vamos ao SEGUNDO CD - MÚSICA
O refrão é muito interessante... mas vai chegando na segunda parte a música fica toda sombria, melancólica que até dá um nó na garganta e vontade de passar para a música seguinte!
"Um costume de nós fica agarrado
As lembranças, os cheiros dilacerados
Nossa bela história está no passado
O amor que me tinhas era pouco e se acabou"

Quem consegue se manter bem depois de uma música dessas?? Socuerro!! Linda sim, mas muito triste.

Ainda nesse mesmo cd, NÃO CHORE HOMEM. Que inclusive já postei aqui. Pé-na-bunda por cima esse!
"amanhã não quero confundir atração sexual
com ilusões de amor puro"
né?

Partindo para o derradeiro, pelo menos no momento, TERCEIRO CD. SIM! Esse está recheado de alusões pé-na-bunda.
Música 2 - FUGIU COM A NOVELA... Não só um pé-na-bunda, como um pé-na-bunda causado por um ser que nem é real! tsc tsc tsc... isso que dá deixar o controle tomar conta da situação! hehehehe
"fugiu da nossa casa com a televisão"

Depois temos - BOA SORTE/GOOD-LUCK. Hino do pé-na-bunda com classe! Sim, porque não basta dar pé na bunda, tem que ser com estilo!
"é só isso, não tem mais jeito
acabou, boa sorte...
... há tantas pessoas especiais..." (e ainda aconselha!!)

Portanto pessoas, prestem atenção e fiquem ligados nas músicas que vocês ouvem... depois não vá reclamar que não está mais namorando só porque mandou uma musiquinha dessas para o amado achando que ia conquistar de vez o coração dele! hehehe...

Gabriel Chacon e mais um serviço de utilidade pública!

outro!

Todo prosa...


Qual não foi minha surpresa hoje pela tarde quando entrei na guia de controle deste blog e me deparei com um comentário interessantíssimo...
Um convite para ser entrevistado por uma revista local! O tema - autores francanos de blogs!
Olha como estamos hein!!
A revista em questão é a Enfoque. Outros títulos apontados foram o Aleluias e Mr. Marmelada (cujos links estão neste blog).
Prometo não ficar tirando onda de bam-bam-bam depois que a matéria estiver impressa, ok? hehehe....
Mas ficarei por aqui agora... essa rotina-maratona está me deixando bastante cansado. Mas prometo que colocarei tudo (ou quase) sobre o treinamento (tronco) que estou tendo essa semana!!

outro para todos!